segunda-feira, 18 de agosto de 2008

Teatro de Senhoritas:Uma Nova Geração de atrizes


Perto de cem pessoas tiveram o privilégio de assistir neste final de semana “Entre Divas e Senhoritas” que a Cia. Teatro de Senhoritas apresentou no Espaço Cultural SantelisaVale aqui em Ribeirão Preto. Um espetáculo extraordinário que remeteu o público a uma experiência emotiva, sensorial... Ao apagar das luzes na platéia, surgiu no palco duas jovens atrizes brilhantes: Sandra Pestana e Isis Madi. Ambas extremamente competentes e talentosas. Não bastasse isso, elas também criaram o texto a partir de um bem cuidado trabalho de pesquisa. Foram às raízes da história do teatro paulista. Buscaram entre atores e atrizes que “viveram” a era TBC, depoimentos que souberam transformar em delicada e emocionante dramaturgia. Além da construção das personagens, texto, cenas, propuseram figurinos, cenários, encenação... Ao trabalho impecável das atrizes soma-se o de Débora Zamarioli que dirigiu o espetáculo. Zamarioli imprimiu à cena um jogo de interpretações verdadeiras e distanciamento. Sua direção é limpa, direta , criativa,simples. A simplicidade leva o público a um mergulho nos meandros da imaginação, reflexão e a catarse tão difícil de ser encontrada nos palcos atualmente. A direção é segura e chega plenamente à realidade que se propõe mostrar, ou seja, “as expectativas e desilusões do ofício de ator do ponto de vista feminino”.
O amigo Luis Cláudio pergunta: mas cem pessoas na platéia não é pouco?
Não, não é pouco. Hoje acredito firmemente que o teatro não é uma arte de massa. Quem vai ao teatro é uma minoria que ainda quer pensar, sentir, emocionar-se, refletir, ver arte. E foi com essas sensações vividas que o público deixou o Espaço Cultural SantelisaVale depois de ver essas verdadeiras novas divas do teatro paulista no palco.

3 comentários:

chico disse...

Gilson !
Estou passando por aqui todos os dias e conferindo TUDO !
São provocações inteligentes que despertam a atenção de quem navega pelo blog.
Um abraço e parabéns.
Chico Pessoa.

Alvaro disse...

Que orgulho e que saudade de San e Isis!! Que saudade de April e Mirian...e que orgulho!!

Beaucoup de mérde!!!!

Alvaro

Bruno disse...

Essa peça é muito massa mesmo! ^_^